Não deixe seus livros parados na estante. Troque seus livros com 200 mil leitores. Participe!

CADASTRE-SE

FRONTEIRA E FRONTEIRIÇOS: A CONSTRUÇÃO DAS RELAÇÕES SOCIOCULTURAIS ENTRE BRASILEIROS E PARAGUAIOS (1954-2014)

Leandro Baller
(0) votos | (0) comentários

Sinopse
O livro adentra o mundo das fronteiras a partir da percepção sociocultural, analisando como as pessoas vivificam seus afazeres trazendo consigo a condição de fronteiriço atribuída pelas representações sociais da situação de fronteira em que eles se encontram, seja temporária ou permanente. Brasil e Paraguai, no período que compreende a análise do livro, destacam-se por desenvolver empreendimentos conjuntos, seus habitantes constituíram o ambiente da fronteira entre os dois países, com pluralidade historicossocial agindo na construção da fronteira, bem como com a inclusão de atores históricos que apontam para o exercício das práticas e discursos na vivificação e coexistência fronteiriça. A fronteira torna-se assim uma zona de contato com os fronteiriços, produzindo relações societárias. Neste sentido, o rigor crítico da análise, a apreensão epistemológica da história e a construção de uma relação dialética entre as diferentes tipologias de fontes utilizadas contribuíram para fundamentar a análise e mostrar um espaço fluído e palmilhado, que neste contexto foi marcado por aproximações e afastamentos com um amplo trânsito de pessoas nesse ambiente.

Categoria
Editora Crv
ISBN-13 9788544402641
ISBN 854440264X
Edição 1 / 2014
Idioma Português
Páginas 280
Estante 0  0  0   0
Sua estante
4% chance de ser solicitado

CADASTRE-SE


AVALIAÇÃO DO LEITOR
Já leu o livro? Comente!

Quero comentar sobre este livro