Não deixe seus livros parados na estante. Troque seus livros com 200 mil leitores. Participe!

CADASTRE-SE

O DIÁLOGO EUROPA-BRASIL NA OBRA DE MACHADO DE ASSIS

Jose Luis Jobim , Maria Elizabeth Chaves De Mello , Olinda Kleiman , Jacqueline Penjon , Joao Cezar De Castro Rocha , Matildes Demetrio Dos Santos , Pedro Meira Monteiro , Sonia Netto Salomao
(0) votos | (0) comentários

Sinopse
Sabe-se o quanto Machado de Assis mantinha permanente diálogo com ideias europeias, e tudo indica que o francês, além do português, era para ele uma "língua de trabalho". No que restou de sua biblioteca na Academia Brasileira de Letras, há grande número de volumes de autores de diversas nacionalidades traduzidos para o francês. Mas a variedade de seu acervo leva a crer que seus interesses iam muito além da França, pois constam de sua biblioteca livros de enorme diversidade nacional, temporal e de assunto. Esse grande número de referências configura-se em sua obra de diversas maneiras, da citação explícita ao pastiche ou a paródia, passando pela menção velada. No entanto, o elemento apropriado por Machado não mantém identidade absoluta com sua origem e articula-se em novas formas e sentidos: a obra é elaborada a partir de uma leitura crítica da tradição anterior, em uma espécie de diálogo, em que o autor reconhece o tributo pago a uma herança cultural que modifica com suas intervenções literárias. Refletir sobre o sentido do diálogo Europa-Brasil é um dos objetivos dos organizadores neste livro, que deriva de colaboração da Universidade Sorbonne Nouvelle e da UFF e do interesse conjunto de uma rede de pesquisadores machadianos, que incluiu outras universidades.
Categoria
Editora Eduff
ISBN-13 8522811539
ISBN 9788522811533
Edição 1 / 2016
Idioma Português
Páginas 319
Estante 0  0  0   0
Sua estante
8% chance de ser solicitado

CADASTRE-SE


AVALIAÇÃO DO LEITOR
Já leu o livro? Comente!

Quero comentar sobre este livro