Não deixe seus livros parados na estante. Troque seus livros com 200 mil leitores. Participe!

CADASTRE-SE

TEXTUALIDADES MIDIÁTICAS

Bruno Leal
(0) votos | (0) comentários

Sinopse
"A crítica ao mediacentrismo aparece como um pressuposto compartilhado no conjunto das contribuições que formam este livro: um modelo insular dos meios não é válido, entre outros motivos porque os textos e as práticas midiáticas estão sempre inscritas em ecossistemas culturais mais amplos. Como propôs a recém falecida Mabel Piccini, os meios, máquinas despóticas”, operam dentro de redes culturais múltiplas , em cuja heterogênea trama constituem espaços de condensação e interseção”. Piccini inscrevia estas observações no quadro de uma crítica epistemológica, uma vez que, nas suas palavras, a concepção dos meios como centro imobilizado ou ilhota de coerência e inteligibilidade dos processos culturais (...) é tributária de certos modelos cognitivos que tendem a cristalizar os processos sociais e políticos em pontos de referência estáticos, suprimindo, no mesmo ato, as interconexões e derivações que são a própria base destes processos”. Interconexões e derivações que, como veremos em seguida, se deixam inter- pretar apenas parcialmente em termos de relações de intertextualidade”. Os novos espaços comunicativos não são adequadamente representados, mesmo pela metáfora bem-sucedida da rede”, pois, como o rizoma” ou o labirinto”, permanecem modelos mecânicos e basicamente bidimensionais." (Gonzalo Abril)Este livro é a versão em português da coletânea Textualidades Mediáticas”, lançada originalmente em espanhol pela Editora UOC, de Barcelona.

Categoria
Editora PPGCOM
ISBN-13 9788554944018
ISBN 8554944011
Edição 1 / 2018
Idioma Português
Páginas 172
Estante 0  0  0   0
Sua estante
1% chance de ser solicitado

CADASTRE-SE


AVALIAÇÃO DO LEITOR
Já leu o livro? Comente!

Quero comentar sobre este livro