Não deixe seus livros parados na estante. Troque seus livros com 200 mil leitores. Participe!

CADASTRE-SE

TODAS AS CIDADES, A CIDADE

Renato Cordeiro Gomes
(0) votos | (0) comentários

Sinopse
Desde que o epíteto Cidade Maravilhosa foi cunhado pela poetisa francesa Jeanne Catulle Mendès, em 1912, muito se tem escrito sobre o Rio de Janeiro. Marques Rebelo, Lima Barreto, João do Rio, Olavo Bilac, Oswald de Andrade, Manuel Bandeira, Vinicius de Morais, Carlos Drummond de Andrade e, mais recentemente, Rubem Fonseca descreveram cada qual o seu Rio de encantamentos e ilusões perdidas. A história de um Rio de Janeiro feito de papel e tinta. Doutor em literatura, Renato Cordeiro Gomes nos convida a uma viagem à cidade de letras, em Todas as cidades, a cidade. Na primeira parte, O cristal e a chama, metáfora emprestada de Ã?talo Calvino, é investigada a legibilidade das cidades através de textos ficcionais, com apoio de teóricos. Na segunda parte, a Suíte carioca, o foco de interesse desloca-se para uma cidade específica: o Rio de Janeiro. Sob a ótica histórica e pessoal de alguns de seus mais eminentes escritores, o Rio é fotografado nos mais diversos cenários. No início do século, Lima Barreto descreve a metamorfose da vida carioca a caminho de um cosmopolitismo identificado com o modelo parisiense. Olavo Bilac, em crônica ufanista, registra a construção do cenário do progresso, a Avenida Central. Descrevendo ao mesmo tempo um passado destruído e a utopia da cidade futura, ele desdenha a festa da Penha, ?só compreensível num velho Rio de ruas tortas?. Marques Rebelo se volta para o sacrifício do Morro do Castelo e João do Rio descreve a ?frívola City?, o Rio art noveau, dos music halls e modern girls. Oswald de Andrade retrata em O santeiro do mangue o ?esgoto sexual da burguesia?. A mesma zona do Mangue pintada por Lasar Segall e que mereceu poemas de Bandeira, Vinicius e Drummond. O livro termina com o Rio fin-de-siécle de Rubem Fonseca. Do conto ?A arte de andar nas ruas do Rio de Janeiro?, o autor extrai cenas como a de uma família de mendigos que dorme na entrada de um banco, para ilustrar a imagem moderna da cidade, onde o contraste entre luxo e lixo é mais aparente.
Categoria
Editora Rocco
ISBN-13 8532504426
ISBN 9788532504425
Edição 1 / 1993
Idioma Português
Páginas 182
Estante 0  0  0   0
Sua estante
11% chance de ser solicitado

CADASTRE-SE


LIVROS DESSE AUTOR PARA SOLICITAR AGORA


AVALIAÇÃO DO LEITOR
Já leu o livro? Comente!

Quero comentar sobre este livro